Alimentação

Benefícios Nutricionais do Morango

O morango é uma fruta excelente repleta de vitamina principalmente a C, fibras, antioxidantes, e muito mais. Só a sua cor vibrante e sua forma de coração já são é primeira pista que esta fruta é boa para você. Estas [...]

O Morango

 

O morango é uma fruta vermelha, originada da Europa. Existem várias espécies de morango, sendo a fragaria a mais comum e cultivada em várias partes do mundo. Os morangos também são ricos em flavonoides, importante agente antioxidante no organismo dos seres humanos. Quando for consumir escolha bagas de tamanho médio que são firmes, gordas e profundamente vermelhas ; Uma vez colhidos, não amadurecem mais.

Primeiramente cultivada na Roma antiga, os morangos são agora a fruta de baga mais popular do mundo. Na província da França, eram considerados afrodisíacos. Estas joias vermelhas podem ser boas para o seu coração, e alem de fazer bem para a saúde ainda podem ajudar na perda de peso sendo utilizadas em saladas e sucos naturais.

As pesquisas confirmam que comer os vários tipos de morangos são uma parte muito importante para uma dieta saudável. Consumi-los com frequência junto com outros alimentos numa dieta balanceada é de suma importância, logo porque ele possui um grande soma de valores nutricional que fazem muito bem a saúde.

Consumir uma certa quantidades de morangos em pequenas porções ( cerca de 8 a 10 unidade) por dia, pode ajudar a melhorar a saúde do coração, diminuir o risco de desenvolver alguns tipos de câncer e baixar a pressão arterial, diminuir índices de ansiedade e obesidade.

Com o seu teor elevado de fito nutrientes faz com que o coração passe a ficar mais saudável, diminuindo o risco de infarto do miocárdio, enquanto o potássio em morangos ajuda a manter a pressão arterial normal. As pesquisas mostram também que os indivíduos que consomem morangos regularmente têm níveis mais altos no sangue de folato, vitamina C ( você ainda pode obter vitamina c em outras frutas e legumes, Experimente : laranja, acerola, couves de Bruxelas, repolho, couve-flor, manga, mamão, pimentão vermelho, melancia e abóbora de inverno) e fito nutrientes, e uma maior ingestão de fibra do que aqueles que não comem morangos. Além disso, os indivíduos que consumiram as quantidades mais baixas de alimentos ricos em vitamina C foram mais de três vezes mais probabilidades de desenvolver artrite do que aqueles que consumiram as quantidades mais altas. Alem disso o morango melhora controlando os níveis de açúcar no no corpo.

Melhoria da regulação do açúcar no sangue é um benefício para a saúde que parece mais e mais provável com base nos resultados dos estudos recentes sobre o consumo de morango. Especialmente após o consumo de uma refeição, foram constatados uma melhor regulação da insulina e níveis de açúcar no sangue em conexão com a ingestão de morango.

Estão sendo pesquisados também a sua importância junto a libertação de hormônios incretina como GLP-1 (péptido 1 semelhante ao glucagon) e GIP (polipeptídeo insulinotrópico dependente da glucose) e as alterações na atividade de enzimas relacionadas com carb como alfa-glucosidase e alfa-amilase. A maioria das avaliações de morangos mostram um índice glicêmico (GI) valor de aproximadamente 40.

Este IG para morangos não só seria considerado baixo, Mas é também consideravelmente mais baixo do que o GI para muitas outras frutas frescas, incluindo, as bananas, o abacaxi, e a melancia (e também as frutas secadas como figos que têm um índice de açúcar mais concentrado depois de secado). O IG baixo de morangos parece corresponder bem com novos estudos de pesquisa sobre o seu impacto no açúcar no sangue.
A pesquisa sobre o conteúdo de antioxidantes de morangos está fornecendo evidências cada vez mais fortes sobre sua capacidade de reduzir o risco de doenças cardiovasculares. Após o consumo de morangos, há menos agregação plaquetária, menos peroxidação lipídica, menos formação de malondialdeído e mais atividade de eliminação de radicais livres, bem como atividade da enzima paraoxonase-1 ( PON-1) . A atividade aumentada de PON-1 doença arterial coronária, uma vez que esta enzima é capaz de ajudar a desagregar (hidrólise) hidroperóxidos lipídicos (LOOH).

Morangos orgânicos e morangos naturais

É bom ressaltar também a diferença entre morangos orgânicos e morangos que dizemos “naturais” ou convencionais em termos de potenciais resíduos de pesticidas. Comprar limentos orgânicos podem ser uma boa pedida, mas existem alguns alimentos que a compra dos orgânicos pode ser especialmente útil, e morangos são um desses alimentos.

De acordo com uma pesquisa realizada nos estados unidos, mais de metade de todas as amostras de morangos (706 no total) continham resíduos de pesticidas. Mais de 30% continham resíduos de cinco diferentes tipos de pesticidas e 3,5% continham resíduos que excediam as tolerâncias da EPA( Environmental Protection Agency ) estabelecidas. Uma amostra de morango também continha resíduos de 20 diferentes pesticidas entre os 38 tipos diferentes de resíduos de pesticidas encontrados nas amostras de morango. Enquanto os morangos certificados orgânicos não são definitivamente garantidos para ser livre de pesticidas, a taxa de detecção de morangos orgânicos tem sido muito menor do que a taxa de produtos convencionais.

Vamos mostrar aqui abaixo uma forma bem fácil e bem gostosa de aproveitar o morango numa receita de salada super saudável, vale a pena fazer ai na sua casa.

Salada de morango com peito de frango                      

Salada:

 

  • 2 xícaras de rúcula, enxaguadas e secas
  •  2 xícaras de espinafre bem enxaguadas e secas
  • 2 xícaras de morangos( cerca de 20 morangos) descascados e cortados.

 

Vamos lá
  • colheres de sopa de nozes, torradas e picadas.
  • 2 cebolas verdes pequenas, cortadas
  • 300g de peito de frango desfiado e pre -cozido
  • 1oog de queijo de cabra esmagado ou picado
  • 2 colheres de sopa de vinagre balsâmico
  • 1 colher de sopa de mostarda de mel
  • 1 colher de sopa de manjericão fresco picado
  •  30g salsinha picada
  • 1 colher de sopa de azeite
  •  um pouco de sal e pimenta moída fresca

preparo:

  1. Combine todos os ingredientes da salada (exceto o peito de frango ) em uma tigela grande. Mexa suavemente.
  2. Faça o molho : Bata o vinagre e a mostarda junto em uma bacia pequena; Bata lentamente em azeite. Adicione o manjericão e tempere com sal e pimenta.
  3. Grelhar o peito de frango: com óleo e uma grelha ao ar livre ou fogão a lenha. Quando quente, adicione o peito de frango e grelhe 3 a 4 minutos em cada lado até que ligeiramente carbonizado e cozinhado completamente. Retire do fogo.
  4. Divida a salada entre quatro pratos. Organize o frango grelhado no topo.
  5. divida em 4 pratos  e sirva ..                                                                                                                                                         Faz 4 porções

       *valor nutricional : 251 calorias, 23 g de proteína, 12,5 g de carboidrato, 12,8 g de gordura (4 g de gordura saturada ), 177 mg de colesterol, 2,5 g de fibra, 306 mg de sódio. Calorias da gordura: 45%. bom apetite…

Assim, é um fato confirmado dizer que incluir morangos em sua dieta pode não só apenas ajudá-lo a alcançar uma boa forma como também manter um menor risco de desenvolver certas doenças.

 

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.